Lamentações 3: 21 a 25

Um dos maiores problemas da igreja de hoje, é que as pessoas estão perdendo totalmente suas expectativas em relação a tudo, começam perdendo suas expectativas em relação ao ministério.dizem: “pra que eu vou participar desse projeto, é furado…hai.. tenho que ir no culto aqueles mesmo louvores, a mesma palavras..” entre outros comentários nossos,não percebemos, culpamos a igreja, o pastor, o governo e não vemos que os mais errados somos nós mesmos, que estamos perdendo as expectativas.

Lendo esse texto comecei a lembrar de muitas coisas, lembrei de minha deliciosa infância, de todas as provas que passei e sobrevivi, lembrei de como era difícil antigamente dizer que éramos crentes, mas ao mesmo tempo havia uma paixão que esta extinta nos olhos das pessoas que servem a Deus, lembrei-me também de varias promessas que recebi, algumas da parte de Deus outras de credito puramente pessoal do profeta, que ficou por conta de suas emoções, lembrei-me de quando começamos nosso ministério que via tantos problemas quanto vejo hoje, mas a diferença era que as pessoas estavam enfocadas no mesmo propósito, não como hoje que vejo cada um correndo pra um lado, para cumprir seu próprio propósito .

Imagine que o profeta em toda sua idade as coisas boas e ruins que havia presenciado, estava em uma fase de assistir de camarote uma das piores fases que seu povo já havia vivido. A miséria e o sofrimento do homem estavam sempre presentes diante de seus olhos e de sua alma, essas durezas lhe tinham consumido a vida.Os grandes guerreiros haviam sido mortos, os poucos homens que sobraram já não tinham forças para lutar por suas famílias, dado os fatos que pela cultura os homens eram os únicos que tinham a responsabilidade de sustentar suas famílias, por causa disso mães que de tanta fome acabavam abortando sua gravidez para comer seus fetos por causa da fome, e mais alem da necessidade física, havia uma enorme pressão psicológica, porque satanás sempre nos induzirá ao erro para depois nos acusar dizendo: – ta vendo Deus não te ama mais, as promessas morreram, e assim por diante.

Interessante notar que paralelo a realidade dura que o escritor estava vendo, ele consegue olhar por alem das circunstancias e entender que por mais desgraça que seu povo estava vivendo, todavia, existia um olhar poderoso de um Deus misericordioso, que muitas vezes não leva em consideração nosso pecado, e esta constantemente disposto a perdoar e mudar nossa sorte.

Nossa mente tem 2 processos : a lembrança que esta relacionada ao nosso passado e a imaginação que esta ligado ao nosso futuro. Todas as vezes que estamos em frente a um problema a memória busca alguma informação para ajudar no processo de solução do problema, então descobrimos que sempre nossa criatividade será o reflexo da busca por soluções, sempre, problemas vão acelerar nossa criatividade. Fomos criados para resolver problemas, uma pessoa que não esta vivendo para esse propósito provavelmente estará se sentindo frustrado por não estar cumprindo o propósito para o qual foi desenhada.
Outra coisa interessante é que mesmo que não percebemos sempre seremos recompensa para alguém, sempre teremos a resposta que outra pessoa não terá, e a outra pessoa sempre saberá algo que eu não sei.

Qualquer situação de caos sempre será uma oportunidade para que Deus crie milagres, e para provarmos as nossas diferenças em relação a outras pessoas, a criatividade em resolver problemas diferenciara você de outras pessoas. Se quero viver algo que nunca vivi tenho que fazer algo que nunca fiz.

O escritor de lamentações busca em sua mente, em sua historicidade algo pudesse resgatar em sua alma a esperança que havia se perdido. O maior problema que nós não estamos conseguindo buscar em nossa memória coisas que nos trazem a esperança e também não temos ajudado aos outros, ao invés de ajudarmos tiramos suas esperanças, sempre que alguém vem para nos contar sonhos, metas, promessas de Deus, por causa de nossa frustração, frustramos a outros, lembre-se que suas palavras de motivação serviram para que outras pessoas possam ver o que só você esta vendo. Um lutador de boxe provavelmente vencera uma luta por sua preparação e habilidade de bater e se esquivar, mas muito de sua vitória esta contida em sua equipe que o motiva com palavras.

Deus esta interessado e ansioso em levantar grandes motivadores dentro de seu reino, empresas estão gastando fortunas contratando motivadores para darem palestras para seus funcionários, tudo isso porque nós que temos a unção de libertar cativos, curar enfermos e anunciar o ano aceitável do Senhor, não temos cumprido nosso papel.Alguém precisa muito de você. Nosso papel é anunciar as outras pessoas até mesmos irmãos em Cristo que o poder da cruz neutraliza todo poder das trevas, absolve-nos da sentença do pecado e nos leva a viver o plano original de Deus que é a felicidade.

O que o profeta estava pedindo pra Deus era pra Deus trazer de volta a esperança ao seu coração despedaçado, estava pedindo para Deus trazer de volta o mel que havia em sua boca e que foi trocada pelo amargo sabor da vida.
Algumas coisas que você tem que trazer a sua memória para restaurar sua esperança:
– Orações respondidas – (Jó 42:10) Jó vê sua oração respondida

- Livramentos – (Êxodo 14:30) O povo durante a sua caminhada lembrou do que estava faltando para seu conforto, mas esqueceu desse episódio nesse capitulo onde já não havia mais esperanças viram o Grande livramento do Senhor .
Precisamos aprender a valorizar nosso inimigos, porque sem eles, nossas diferenças não se destacariam. Sem Golias Davi era apenas um pastor de ovelhas trabalhando de bico de entregador de queijo.

- Motivações antigas – Uma motivação é um motivo que nos leva a uma ação, trazer a memória nossas antigas motivações é trazer de volta os motivos que nos moviam, o dia que a igreja de Cristo caminha em ruma a um só motivo, o inferno não ter poder para paralisar a ação da igreja em ruma ao arrombamento das portas do inferno seguido de um enorme resgate das pessoas que estão perdidas.
Precisamos ensinar e mostrar as gerações de hoje tudo aquilo que Deus fez conosco, as pessoas mais velhas tem gastado tempo impregnando com maledicências, fofocas, e tudo o que não presta.

- Lembre-se do que você era, e de onde Deus te levou
Estamos na memória eterna de Deus ( Isaias 55: 8,9 ) – nada nos tira da memória de Deus, Jesus morreu na cruz para fixar-nos na memória de Deus.
Temos mais de 300mil promessas promessa na palavra de Deus que sempre dizemos que é o nosso guia, e ainda assim as vezes nos entristecemos com algumas circunstancias que tentam desfocar-nos e tirar nossa fé.

O escritor se humilhou debaixo das mãos de Deus, e então, sua esperança se reviveu, suas esperanças ressurgiram das cinzas, O primeiro raio de esperança rompeu com a melancolia, a tristeza não foi em vão, produziu humildade e dependência, e dessa humildade é que surge uma nova esperança.
Traga sua memória, não as pequenas coisas que sugam suas esperanças, mas o grande amor de Deus por você, a confiança de Deus em depositar suas promessas em você olhe ao seu redor e contemple as grandezas de Deus.

About these ads