Aprenda a descansar na prova

Daniel 3: 14 a 30

A história começa com um belo dia em que o generoso rei Nabucodonozor decide ir mais além com sua posição de autoridade. O respeito que ele tinha de seus súditos por ser rei, já não lhe era suficiente. Entra em seu coração um desejo de ser mais do que respeitado, entra em seu coração o desejo de ser o ADORADO. Em Ezequiel 28: 2, vemos o Senhor relatando a Ezequiel o sentimento que estava no coração de satanás antes de ser lançado fora de seu direto. O mais interessante, é que até os dias de hoje esse é o sentimento que satanás tem contaminado a muitos, inclusive dentro da igreja de querer ser igual a Deus.

O rei levanta uma imagem de ouro e estabelece um decreto que aquele que não se prostrasse ante essa imagem seria queimado vivo. O mais interessante é ver como satanás se incomoda com a nossa adoração. Tudo estava indo bem, até que o rei se depara com 3 homens que não eram desconhecidos, porque ele mesmo havia dado poder sobre seu governo. Nesse momento não estava em jogo apenas a vida desses 3 homens, mas o tipo de liderança de Nabucodonozor. O rei que de uma forma impensável estabelece um decreto que nesse momento estava pondo a prova seu modelo de reinado, pois ele havia exaltado aos escravos judeus e os havia colocado em lugar de destaque. Como pode o rei adorado se enganar em relação as escolhas de pessoas para o ajudar em seu reinado.

Para o rei restava apenas o desafio de convencer aos ilustres judeus a se curvarem ante sua estatua, e provarem a todos que o rei sabia escolher as pessoas certas para governar com ele. Para os 3 restava o desafio, agradar ao rei que tão generoso havia sido com eles, ou a Deus que havia lhes preparado tudo até então.

Em quem você confiaria? A quem você decidiria agradar?
Sadraque, Mezaque e Abdnego decidem por suas vidas em risco e agradar a Deus. Podemos passar uma vida com os pensamentos divididos em 2 Senhores, porem um dia estaremos diante de um desafio que teremos que escolher a quem servir. Nossa paixão determina qual é o nosso Deus. Para obedecer é preciso correr riscos.

Pedro havia passado os 3 anos compartilhando da vida de Jesus, e no momento mais importante para o movimento cristão Pedro da um passo atrás e se recusa a aceitar que já pertencia ao Senhor. Se esconde, e nega ter qualquer ligação com Jesus.

Será que estamos dispostos a por a nossa vida em risco para provar nosso amor por Deus?

Havia um desafio para Sadraque, Mezaque e Abdnego, e o mais determinante para esse momento foram suas palavras de convicção. (vs.17) “se o nosso Deus, a quem servimos quer livrar-nos, Ele nos livrara a fornalha de fogo ardente e das suas mãos, ó rei.” Foram essas palavras de tamanha convicção que despertou o desejo no coração de Deus de livrar a vida de 3 corajosos homens.

Então quando muitos pensavam que desceria um raio, ou começaria a chover e apagaria a fornalha, ou o rei se admirasse com tamanha coragem e voltasse atrás com seu decreto, o rei manda amarrar aos insubordináveis judeus, e aumenta a capacidade de aquecimento da fornalha, para não ter duvidas que o rei não seria envergonhado ante seu povo. O mais incrível é que Deus permitiu que se organizasse uma festa de adoração a Nabucodonozor, onde estavam não somente todo o povo, mas todos os governadores, magistrados, e todo tipo de autoridade da época. A única pessoa que a bíblia não comenta de sua presença era a de Daniel. E essa ausência não se dava ao fato de Daniel estar com medo do que poderia acontecer com ele, ou que a amizade dele com esses 3nao era suficientemente forte para Daniel deixar de assistir a execução deles.

Mas talvez Daniel estava como de costume orando dentro de sua casa para que Deus livrasse seus amigos.
O homem extraordinário, faz todos os dias aquilo que o homem comum faz de vez em quando.
Esse não era o momento de falar, esse era o momento de confiar em Deus.

A paixão daqueles 3 judeus deu-lhes uma voz no mundo. O amor de Sadraque, Mezaque e Abdnego por seu Deus, teve sua recompensa quando foram lançados na fornalha.
Ao contrario do obvio nada acontece com eles, e alem de tudo, eles ainda conseguem passear dentro da fornalha, e sair de dentro dela, sem nem ter o cheiro de queimado.

10 passos para aprender a descansar na prova

  1. Não perca tempo com pessoas que não acrescentem nada a sua visão de vida.
    Mesmo que você só tenha mais 2 amigos que estejam na mesma visão, junte-se com gente que te acrescente e não te abandone na prova
  2. Preste atenção em todas as situações da sua vida, porque quase sempre a prova é o disfarce para o milagre. A situação na vida desses 3 jovens era extremamente contraria, porem essa foi a oportunidade perfeita, para a conversão do rei. “um problema te dá acesso ao palácio”
  3. Quando você receber ameaças, não retroceda, permaneça firme em Deus, ele é sua melhor opção. Veja que havia duas opções para aqueles jovens. Serem queimados vivos, ou fazer o que o rei pedia e sair livre. Eles ficaram com a primeira opção. Hb 10:38 “o justo vivera pela fé e se ele retroceder minha alma não tem prazer nele.”
  4. Confie que dentro da prova o próprio Deus te espera para passear com você. Sobre nós existe uma sentença muito mais poderosa que a sentença de satanás que nos ajuda a crer que estamos guardados Salmos 91:7 nos garante que podem muitos serem atingidos porem eu estou guardado em Deus.
  5. A forma como demonstramos nosso amor por Deus determinara a ação de Deus ao nosso favor. A intensidade do nosso amor por Deus será o medidor de seus milagres.
  6. Mesmo que você se sinta só, com Deus você ainda é a maioria. O rei Jeosafá se encontrava em um beco sem saída contra 3 exércitos poderosos a única coisa que lhe restou foi confiar, e o próprio Deus se encarregou de seus inimigos.
  7. Sempre haverá oposição quando você estiver fazendo a vontade de Deus, porem a sua atitude determinara a sua altitude. Quando Sadraque , Mezaque e Abdnego acharam que sua situação não podia piorar, o rei manda os soldados mais fortes para amarra-los e lança-los ao fogo. Então o improvável aconteceu, os soldados morrerão, os servos de Deus ficaram vivos.
  8. Não questione a vontade de Deus antes que você se encontre com o resultado dela. Guarde na sua memória que a vontade de Deus é boa perfeita e agradável, e jamais a vontade de Deus será prejudicar a quem ele ama.
  9. Em tempos de crise solte-se de sua segurança, e permita ser levado pelas ondas de Deus. Ezequiel tem uma visão no capitulo 47 e a conclusão final da visão, era que Ezequiel ainda estava muito preso em suas próprias convicções, e Deus o queria livre, para leva-lo a lugares mais altos.
  10. Mesmo que as circunstâncias estejam contrarias, Deus tem o controle.

Salmos 46:10 nos diz “aquietai-vos e sabeis que EU SOU DEUS.” Se a vitória ainda não veio, sem sombra de duvidas ela vira, e quando vier não somente eu serei abençoado, mas os que estão a minha volta serão tocados pelos milagres de Deus.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s