Ele ainda está perto

João 9: 1 a 11
Jesus tinha acabado de confrontar os escribas, fariseus e alguns líderes judaicos, e mesmo após a bíblia ter definido Jesus no antigo testamento como o príncipe da paz, para essa situação não havia uma negociação cordial.
Na vida de um servo e uma serva de Deus, existem coisas que devem ser levadas com flexibilidade, porém  para outras não há acordos amigáveis. Davi certa vez escreveu após pecar, em Salmos 51: 10, um pedido a Deus, desejando um coração que não mais se identificasse com o pecado. A graça trouxe um sustento ao pecador, mas trouxe também a responsabilidade pessoal, que é intransferível.
O ser humano tem a mania de estar sempre querendo transferir sua culpa a qualquer pessoa ou coisa, mas para quem deseja seguir a Cristo não há negociação com o pecado.
Logo depois dessa confrontação de Jesus com os religiosos, Ele se encontra com um cego de nascença. Seus discípulos questionam a cegueira, e tentam achar um culpado. Jesus então os responde que existem certos acontecimentos que não têm culpados, algumas coisas caem na vontade permissiva de Deus para que o poder de Deus se revele.
Com a aparição desse cego. Jesus vê a oportunidade de convencer os grandes líderes religiosos quem realmente Ele é; O Messias. Se você voltar um capítulo verá Jesus, no capítulo 8: 58, dizendo que ELE é a imagem visualizada de Deus.
Essa era a oportunidade de mostrar aquilo que já vinha falando. Jesus disse nos vs. 4 e 5 “É necessário que façamos a obra de quem me enviou, enquanto é dia: a noite vem, quando ninguém pode trabalhar. Enquanto estou no mundo, sou a luz do mundo.” Jesus dá um cuspe na terra mostrando o processo da criação do homem que foi extraído da terra, e manda o cego lavar-se no tanque de Siloé que significa ENVIADO. Era um tanque na extremidade de um túnel, escavado por Ezequias.
Jesus estava mostrando que era o próprio Deus que enviou seu único filho para revelar sua imagem à sua criatura.
Deus é o lado original do espelho, e nós somos o reflexo do original. Qual imagem você tem passado as pessoas que não conhecem a Jesus?
Os versículos 4 e 5 me chamaram atenção pela forma como Jesus disse essas coisas. Aqui existem fortes verdades acerca de Deus.
A primeira delas, é que todos nós deveríamos saber que Deus está sempre disposto a revelar-se a sua criatura. Em Jeremias 29: 13, 14 Deus diz “Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo vosso coração”, no próximo versículo Ele diz “sereis achado de vós”. Deus está fazendo um convite a sua criação. Ele deseja ser encontrado. O problema é que muitas vezes nós não desejamos buscá-Lo.
Jesus veio para revelar ao homem que Deus está disponível à sua criação. Porém há uma validade pra essa busca. Isaias 55:6 diz: “Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto esta perto”. Há uma validade para essa busca. Todos nós esperamos o cumprimento da promessa de Jesus em João 14: 18 “voltarei para vós outros”, ou seja, hoje Deus está disponível, e se manifesta através de sua igreja, porém, um dia Jesus voltará para buscar sua igreja e aquele Deus que era tão disponível, não será tão fácil de encontrar. O ser humano só da valor a alguma coisa quando a perde. Jesus está dizendo a quem quiser ouvir, que há uma oportunidade de valorizar a disponibilidade de sua presença hoje. Não precisamos esperar perder a presença de Deus para saber o quão preciosa era pra nós. Ate mesmo nós que estamos a tanto tempo na igreja , muitas vezes deixamos de valorizar a preciosa presença de Deus, até que pecamos e perdemos essa presença. Então enxergamos o devido valor de Deus em nós. Jesus é a luz no fim do túnel. No final do túnel há um tanque chamado ENVIADO. Jesus como o enviado de Deus tem o propósito de mostrar-nos o caminho. Porque afinal, ninguém gosta de andar no escuro. No escuro esbarramos nas mesas, camas, pedras e não vemos, apenas sentimos. A luz revela o pecado, mas também revela os obstáculos. A solução para que o homem pare de esbarrar em coisas é JESUS. Conhecer a Jesus é acender a luz em uma sala cheia de obstáculos. Com Jesus podemos evitar os vergões e as feridas que a vida não se importa de fazer em nós. O personagem principal dessa historia, não é o cego que foi curado da cegueira, nem os estudiosos que questionaram o poder de Jesus, mas o próprio Jesus, o enviado de Deus, que nunca nos prometeu vida fácil, mas nos garantiu que jamais nos deixaria sozinhos. Por isso não perca mais tempo, Deus está disponível. Aproveite para buscar a Deus enquanto ELE está perto. Se por algum motivo você se acostumou com a proximidade da presença de Deus peça perdão a Ele nesse dia e restaure a sensibilidade que te leva a valorizar o maior tesouro que um homem pode ter que é a presença de Deus.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s