Um Esquecimento Amoroso

Perdoarei a sua maldade e nunca mais me lembrarei dos seus pecados.” Jeremias 31:34

Amar condicionalmente é contra a natureza de Deus. Assim como é contra a sua natureza comer árvores e contra a minha natureza ter asas, é contra a natureza de Deus lembrar-se de pecados perdoados.
Veja bem, ou Deus é o Deus da graça perfeita… ou Ele não é Deus. A graça se esquece. Ponto final. AquEle que é amor perfeito na pode guardar rancores. Se Ele guarda, então não é o amor perfeito. E se Ele não é o amor perfeito, é melhor você para de ler este livro e ir pescar, porque nós dois estamos perseguindo contos de fadas.
Mas eu creio em Seu esquecimento amoroso. E eu creio que Ele tem uma memória misericordiosamente terrível.

(Devocional escrito pelo Pr. Max Lucado – extraído do livro “Ele escolheu você”)
Não se culpe por algo que você já pediu perdão à Deus e que se esforça para que não aconteça mais.
O mais difícil não é aceitarmos o perdão de Deus. O mais difícil é perdoarmos a nós mesmos.
Nossos erros nos fazem crescer e andar para mais perto daquilo que Deus quer que sejamos.

Deus abençoe!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s