Caminho

Retornando ao caminho de milagres

II Crônicas 7:14

Salomão estava radiante. Esse era o maior dia de sua vida, possivelmente o maior da história de Israel. O templo, o tão almejado templo, a visão de seu pai Davi, o sonho de seus ancestrais, o templo de Israel finalmente estava terminado.

O trabalho de 70 mil operários, 80 mil cortadores de pedra, e 3600 feitores, estava concluído. A arca da Aliança repousava no Santo dos santos. Do altar de ouro as cortinas tecidas a mão, tudo como se havia sonhado, estava pronto, mas faltava a presença de Deus.

No capitulo 6 vs. 41 o rei de Israel solicitava a presença do Rei do universo, e Deus imediatamente responde a oração de seu servo. A presença de Deus se fez no templo, as pessoas se prostraram adorando. Então Salomão voltou ao eu palácio possivelmente antecipando um descanso merecido e muito bem-vindo. Salomão tinha terminado o templo mas Deus ainda não havia terminado com Salomão.

Na privacidade dos aposentos reais, Deus falou novamente então o rei compreendeu a fragilidade da fé das (mais…)

Anúncios